quarta-feira, 30 de julho de 2008

Resiestrela assume gestão de resíduos da Cova da Beira

Depois de aprovada em Conselho de Ministros de 8 de Maio de 2008, a constituição da Resiestrela – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos acaba de ser formalizada com a publicação do Decreto-Lei nº128/2008, de 21 de Julho.

À nova empresa, que integra a carteira de participações da EGF, a sub-holding do grupo AdP para a área dos resíduos, é atribuída a concessão da exploração e gestão do sistema multimunicipal de triagem, recolha selectiva, valorização e tratamento de resíduos sólidos urbanos da Cova da Beira, que, nos últimos seis anos, esteve concedida à Águas do Zêzere e Côa.

A EGF detém 62,95 por cento do capital social da Resiestrela, no montante de quatro milhões de euros, cabendo o restante aos municípios utilizadores, exceptuando a Covilhã que não faz parte da sociedade, e à Associação de Municípios da Cova da Beira.

A Resiestrela integra como utilizadores os municípios de Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Covilhã, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Fundão, Guarda, Manteigas, Meda, Penamacor, Pinhel, Sabugal e Trancoso, abrangendo cerca de 284 mil habitantes.

Com a transferência do referido sistema multimunicipal para a nova empresa, a Águas do Zêzere e Côa passará a dedicar-se em exclusivo ao abastecimento de água e saneamento de águas residuais, a sua principal área de actividade.

in "Kaminhos"

segunda-feira, 28 de julho de 2008

Incêndio no Concelho de Belmonte com possível falha na vigilância

O Comandante dos Bombeiros Voluntários de Belmonte afirma que o incêndio que deflagrou na passada quinta-feira na freguesia de Maçainhas, só tomou grandes proporções devido a possíveis falhas na vigilância na Serra da Esperança. António leitão, em declarações á SIC, referiu que "foi um bombeiro da corporação que deu o alerta".

No entanto, segundo uma informação recolhida pela Rádio Caria junto do comando distrital de operações de socorro (CDOS) de Castelo Branco o alerta foi dado por um vigia do posto da Serra da Marta no concelho de Penamacor.

O incêndio lavrou numa zona de mato entre as anexas de quinta cimeira e quinta de meio.

No local estiveram 94 bombeiros com 26 viaturas de 13 corporações de bombeiros dos distritos de castelo branco e da guarda. O incêndio foi dado como circunscrito às 3h30 da madrugada.

Pode ver a notícia através do vídeo da SIC clicando aqui!

Praia Fluvial parte III

O vice-presidente da câmara municipal de Belmonte, Germano Fernandes, reagiu ás declarações do presidente da Associação de Desenvolvimento Terras de Belmonte a quem foi cedida a concessão do espaço de lazer pelo período de cinco anos, que levantou a questão da ilegalidade relativamente ao licenciamento da praia fluvial de Belmonte.

Germano Fernandes sublinhou que as declarações do presidente da associação "não têm razão de ser" e justifica que o papel de um autarca é garantir as condições de utilização dos espaços públicos, daí ter denunciado o estado em que se encontra actualmente a praia fluvial de Belmonte. No seguimento dessa análise, Germano Fernandes, garante que este será um assunto que terá mais desenvolvimentos, com uma análise por parte da autarquia.

Quem também tomou posição sobre esta questão da praia fluvial de Belmonte foi o Movimento Independente pelo concelho de Belmonte (MPB).
O vereador do MPB no executivo municipal, Jorge Amaro, diz que manifesta solidariedade com o vice-presidente da autarquia que se limitou a denunciar um problema relacionado com a actividade concelhia.
"A lei é para ser cumprida e nesse capítulo a câmara municipal de Belmonte falhou", Jorge Amaro repudia a posição tomada pelo presidente da autarquia, ao "ocultar a inexistência de um alvará cujo pagamento estava em atraso desde 2003".
Jorge Amaro diz que o presidente da câmara municipal perdeu a sua credibilidade política.

O vereador do MPB deixou a sua versão, neste processo em torno da praia fluvial de Belmonte e diz que se perderam três projectos para o local num investimento de cerca de três milhões de euros.

Jorge Amaro mostra-se "desapontado" na relação entre a gestão da câmara municipal de Belmonte e os membros do executivo municipal. Face a todo este processo conturbado o vereador do MPB pretende na próxima reunião do executivo municipal obter todos os esclarecimentos por parte do presidente da autarquia e não apenas "o silêncio como aconteceu na última reunião pública do executivo".

A próxima reunião do executivo municipal de Belmonte está marcada para o dia 06 de Agosto.
in "Rádio Caria"

quarta-feira, 23 de julho de 2008

Abandono da praia fluvial explicado!

O presidente do conselho de administração da associação concessionária da praia fluvial de Belmonte, explicou à rádio caria as razões pelas quais esta se encontra num estado de abandono. José Augusto Marques refere que desde 2003 que o alvará da praia fluvial de Belmonte estava por pagar, daí não ter sido possível aprovar qualquer candidatura de apoio para o local.
O responsável pela associação dá conta do tamanho da ilegalidade e diz ainda que a empresa que gere a praia fluvial de Belmonte esteve a um passo de apresentar uma queixa em tribunal contra a câmara municipal de Belmonte.

A praia fluvial de Belmonte que ainda não abriu ao público esta época balnear, em causa esteve o atraso no pagamento do alvará, que actualmente está em vigor apenas até final deste mês de Julho.

Nesta altura o processo está a ser reavaliado pelas duas entidades, associação e autarquia.

in "Rádio Caria"

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Praia Fluvial continua na mesma...

O vice-presidente da câmara municipal de Belmonte aproveitou a ultima reunião pública para convidar o executivo municipal a visitar a praia fluvial de Belmonte.

Depois de diversas queixas deixadas pela população, Germano Fernandes visitou o espaço e mostra-se crítico pelo estado de degradação em que se encontra este espaço de lazer do concelho.
A gestão do espaço foi concessionado pela câmara municipal á Associação de Desenvolvimento Terras de Belmonte. Uma concessão pelo período de cinco anos que vai ser analisada. A opinião do vice-presidente da autarquia é muito pouco flexível em relação ao futuro desta concessão.

Não é para já conhecida a posição do presidente da Associação de Desenvolvimento Terras de Belmonte relativamente a estas criticas.

Recorde-se que o “Gentes de Belmonte” já tinha demonstrado preocupação relativamente ao estado da praia fluvial aquando da abertura da época balnear no concelho de Belmonte.


fonte "Rádio Caria"

quarta-feira, 16 de julho de 2008

V Edição do Acampamento Roda-Viva (Belmonte)

Mais uma vez a Beira Serra vai realizar o Acampamento Roda-Viva. Nos dias 18, 19 e 20 de Julho a vila histórica de Belmonte vai estar em festa com a animação criada pela dinâmica do acampamento.

Este ano, o programa integrado no Ano Europeu do Diálogo Intercultural, contempla um torneio de jogos tradicionais do mundo, um debate animado pelo ACIDI e, é claro que não faltarão os ateliers de expressão artística que resultarão no espectáculo de fusão de sábado à noite. Mas porque os jovens e os monitores também precisam de descansar, a piscina da Quinta do Rio estará ao dispor dos campistas sempre que houver tempos livres.

À semelhança do que aconteceu no ano passado o acampamento decorre na Quinta do Rio, um espaço de turismo rural com balneários, cozinha, salas, espaços verdes, bar e piscina. As actividades distribuem-se pela quinta e pela vila pois pretende-se que os jovens criem dinâmicas com a população. Neste aspecto o espectáculo de fusão e o espectáculo musical constituirão um dos momentos-chave do acampamento pois decorrem num jardim público de Belmonte, no sábado à noite.

Os desportos radicais e os jogos tradicionais do mundo acontecem na praia fluvial e são um dos momentos altos para os jovens.
As inscrições para o acampamento estão abertas para os jovens a partir dos 13 anos de idade e incluem seguro, transporte da Covilhã para Belmonte, alimentação, estadia, acesso à piscina e participação nos ateliers de expressão artística e nos espectáculos de sábado à noite.

Para conhecerem o programa detalhado do acampamento, cliquem aqui.

Para se inscreverem no acampamento, descarreguem aqui a ficha de inscrição.

Para se inscreverem nos desportos radicais, descarreguem aqui a ficha de inscrição.

Mais informações em http://www.beiraserra.pt/

O "Gentes de Belmonte" dá os parabéns à "Beira Serra" por organizar novamente estas excelentes actividades em Belmonte!

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Central de Biomassa de Belmonte (primeiros testes dentro de um ano)

A central de biomassa de Belmonte vai instalar três parques de recolha de resíduos florestais na região. A empresa responsável pelo investimento vai iniciar “em breve” a construção do primeiro parque em Belmonte, junto à central, adiantou Hugo Jóia, um dos responsáveis pelo projecto. Os restantes parques deverão ficar instalados no Sabugal e Penamacor. Os respectivos planos estão em fase “avançada”, mas ainda em estudo, sendo que o projecto para este último deverá ser oficializado “dentro de um mês”.

A estrutura de Penamacor irá ser responsável por 50 por cento da matéria-prima que vai abastecer a central e o material recolhido pelas restantes duas vai ser equivalente a 40 por cento. Os outros 10 por cento serão fornecidos através de acordos com indústrias de transformação de madeira. No total, a construção da central e os três parques de recolha representam um investimento superior a sete milhões de euros. Os primeiros testes realizam-se dentro de um ano sensivelmente.

Declarações de Hugo Jóia à margem de uma visita à Comissão Europeia, em Bruxelas. A visita foi da responsabilidade da Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Centro, tendo como objectivo dar a conhecer programas de apoio europeus, como o Interreg IV, a Política Agrícola Comum e ainda as medidas ambientais aconselhadas pela Comissão.
fonte "diário xxi"

Jorge Amaro á frente da comissão política concelhia do PSD em Belmonte

Jorge Amaro, foi eleito por unanimidade, presidente da comissão política concelhia do PSD em Belmonte. Dos 53 militantes inscritos, apenas 20 estavam em condições de votar, e no passado sábado, foram 15 os militantes do PSD que escolheram o novo líder concelhio.

No final da contagem dos votos Jorge Amaro falava com alguma emoção e sublinhou o critério da escolha da equipa, sem avançar para já com estratégias para o futuro mas confiante no trabalho da nova equipa.

Ser poder, é ambição do novo presidente da comissão política concelhia do PSD de Belmonte, que para já não quer falar numa possível candidatura á câmara municipal, "a escolha pertence aos militantes do PSD". Agora a preocupação passa por organizar estratégias e continuar a desempenhar o lugar de vereador do movimento independente pelo concelho de Belmonte, no executivo municipal.

Uma das ambições do novo líder do PSD de Belmonte, que passa em primeiro lugar por conseguir colocar no activo os 53 militantes inscritos na comissão política concelhia de Belmonte, criando condições para chamar mais gente para o partido e conseguir uma sede como local de trabalho.
in "Rádio Caria"

sexta-feira, 4 de julho de 2008

Empreitada de renovação integral da linha da Beira Baixa

Foi recentemente publicado em Diário da República o anúncio do concurso público da empreitada de renovação integral da linha da Beira Baixa.

Diário da República, nº 116, 2ª Série, de 18 de Junho, o anúncio do concurso público da empreitada de renovação integral compreende a via entre os km 178,400 e 188,500 (troço Belmonte-Caria), da Linha da Beira Baixa.

Com um preço base de 3 994 899,30 euros e um prazo de execução de sete meses, a contar da data de consignação, a empreitada envolve a realização das seguintes intervenções:

• Levantamento da super-estrutura da via existente,
• Assentamento de via e de três aparelhos de mudança de via, em carril 60 E1,
• Construção de maciços de catenária,
• Melhoria das condições de drenagem da plataforma da via,
• Alargamento pontual do perfil transversal da via,
• Prolongamento e alteamento das plataformas de passageiros da estação de Belmonte e do apeadeiro de Caria.

Finalmente lembraram-se do interior, ainda que esta remodelação fique aquém do necessário. Nomeadamente no que se refere ao tempo despendido para percorrer a distância que separa Guarda e Covilhã (cerca de 47km), percurso que devia ser encurtado.
Numa fase em que os combustíveis de origem petrolífera apresentam aumentos consideráveis, certamente que uma boa ligação ferroviária entre Covilhã-Belmonte-Guarda seria de estrema importância como forma alternativa ao uso do automóvel.

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Sábado há novo lider concelhio do PSD Belmonte

Os militantes do PSD de Belmonte elegem no próximo sábado a nova comissão política concelhia.

Depois de seis anos na liderança do PSD de Belmonte, luís D’ Elvas deixa o cargo. Na hora da saída o líder do PSD de Belmonte diz que "alguns objectivos não foram alcançados nomeadamente a conquista da Câmara Municipal de Belmonte por parte do PSD". Mas realça que "o trabalho desenvolvido foi positivo para unir os militantes” do partido.

Quanto ao futuro da comissão política concelhia do PSD de Belmonte, luís D’ Elvas diz que “há qualidade para liderar o PSD de Belmonte" e que o militante Jorge Amaro está "perfeitamente preparado para assumir a liderança” caso este demonstre disponibilidade.

No que refere às eleições autárquicas de 2009, luís D’ Elvas acredita que o PSD terá condições para apresentar um candidato identificado com o partido. E que o Movimento Independente pelo Concelho de Belmonte (MPB), terá espaço no concelho enquanto movimento cívico, mas não enquanto movimento político".

Quanto ao futuro Luís D’ Elvas afirma que irá cumprir o seu mandato como deputado na Assembleia Municipal de Belmonte e continuará disponível para ocupar qualquer cargo que venha a ser proposto pelo partido. Está assim tudo em aberto quanto ás eleições autárquicas agendadas para o próximo ano.